Máquina de Escrever

Esta semana escrevo na BLITZ sobre a diferença abissal entre a excelência dos cartazes de festivais e o quase vazio de propostas de concertos em sala.

Podem ler aqui o texto.

View original post

Advertisements